Professores aprendem técnicas de comunicação não-violenta

Conseguir estabelecer um diálogo autêntico e efetivo tem o poder de melhorar as relações entre as pessoas. Dentro de um colégio, espaço que reúne centenas de alunos, funcionários e familiares, esse potencial pode ser multiplicado. Foi o que aconteceu na escola estadual Leda Guimarães Natal, de São Paulo (SP), onde aproximadamente 50 professores participaram de um workshop sobre comunicação não-violenta, oferecido pelos voluntários Marcelo Akamine e Luiz Eduardo Alcantara. 

Os professores da escola receberam a formação graças ao pedido que o professor Márcio Melo fez ao Quero na Escola Especial Professor. Para ele, a atividade foi enriquecedora e desafiadora. “Entender a técnica da comunicação não-violenta assegura uma comunicação mais ampla, justa e direta, partindo do autocontrole, confiança e segurança”, disse Márcio, ressaltando que as técnicas são tanto para a fala como para a escuta. 

O docente também elogiou a forma como os dois voluntários conduziram a atividade, que durou três horas. “A dinâmica proporcionou aos professores a sensação de ora ser professor e ora ser aluno, trazendo experiências e incômodos do dia a dia”, relatou.

WhatsApp Image 2019-10-05 at 10.04.54

Para Marcelo, que atuou como voluntário do Quero na Escola pela segunda vez, a nova participação trouxe mais aprendizados, assim como grande satisfação pessoal. “Eu me sinto agradecido pela oportunidade de levar um pouco da minha paixão pela comunicação”, afirmou. No ano passado, Marcelo fez uma ação sobre Mediação de Conflitos na escola estadual Lasar Segal e diz estar disposto a continuar atuando como voluntário nas escolas públicas. 

A escola Leda Guimarães Natal também já havia participado do Quero na Escola Especial Professor. No ano passado, a pedido do professor Alan Clynger do Nascimento, os docentes receberam orientações de uma psicóloga sobre como ajudar alunos com baixa-autoestima. 

O próprio tema comunicação não-violenta já é recorrente. No Especial Professor de 2018, foram realizadas duas ações sobre comunicação não-violenta, uma delas pode ser conferida com mais detalhes aqui . O Especial Professor 2019, uma parceria do Quero na Escola com a Fundação SM,  continua com entregas de presença até o fim de outubro! Continuem acompanhando nosso blog e as redes sociais para saber mais! 

3 comentários em “Professores aprendem técnicas de comunicação não-violenta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s