Espaços de exposições de ciências para os estudantes ocuparem

Por Luciana Alvarez

Muitos dos conceitos e conhecimentos que estudantes veem nas aulas de ciências e matemática podem ser experimentados na prática em visitas a museus e parques pelo País. Planetários e aquários, zoológicos e centros de tecnologia compõem uma rede de espaço educativos capazes de enriquecer o repertório de todos, além de despertar novos interesses. Grande parte deles são vinculados a universidade e têm visitação gratuita.

Infelizmente a oportunidade não é distribuída por igual pelo território brasileiro. As capitais, sobretudo nas regiões Sul e Sudeste, concentram esse tipo de instituição. O Estado de São Paulo, por exemplo, soma 48 centros e museus científicos; no Estado do Amazonas há apenas 1. Para fortalecer estes espaços, é interessante que se conheça e aproveite as ofertas que existem por perto. Há lugares incríveis e muito diferente entre si. 

Para os paulistanos, aqui estão alguns dos destaques:

Catavento Cultural

Centro

Universo, Vida, Engenho e Sociedade são os quatro eixos que movem o Catavento, espaço cultural e educacional que funciona num prédio histórico, o antigo Palácio das Indústrias. Entre os destaques está a seção de eletromagnetismo, onde o visitante fica literalmente de cabelo em pé.

Visitação de terça a domingo/ Ingresso R$ 10; aos sábados é grátis

Mais informações: www.cataventocultural.org.br

Museu de Microbiologia – Instituto Butantan

Butantã, zona oeste

Na exposição, o visitante realiza uma viagem imaginária ao mundo escondido dos micro-organismos. A mostra apresenta modelos tridimensionais e microscópios para observação de micro-organismos e células, além de softwares interativos e filmes sobre temas relacionados à microbiologia.

Visitação de terça a domingo/ Ingresso R$ 6

Mais informações: www.butatan.gov.br

Planetário Parque do Carmo

Itaquera, zona Leste

Conta com altíssima tecnologia para fazer os visitantes se sentirem perto do céu, do sol e até das constelações do Zodíaco. O projetor Universarium VIII fica numa cúpula com 20 metros de altura. Além disso, há 41 projetores periféricos, 109 lentes e 9 mil fibras ópticas, que fazem projeção de estrelas, planetas, simulam eclipses e outros fenômenos.

Aberto diariamente/ Entrada gratuita

Mais informações: 011. 2522-4669

Aqui você pode conhecer um pouquinho do que existe espalhado pelo País:

Casa da Ciência

Rio de Janeiro, RJ

O espaço conta com exposições, audiovisual, oficinas, artes cênicas, música, palestras, seminários, cursos. As exposições temporárias são interativas e tratam de temas associados ao cotidiano. Tudo isso, mantido pelo UFRJ.

Visitação de terça a domingo/ Entrada gratuita

Mais informações: www.casadaciencia.ufrj.br  

 

Museu da Anatomia Humana

Brasília, DF

Vinculado à faculdade de Medicina da Universidade de Brasília (UnB), o museu reúne mais de 300 peças anatômicas (tecidos e órgãos humanos conservados), como forma de fazer com que todos entendam mais sobre o funcionamento do próprio corpo.

Visitas precisam ser agendadas/ Entrada gratuita

Mais informações: ma@unb.br

 

Usina Ciência

Maceió, Alagoas

O espaço mantido pela Universidade Federal de Alagoas (Ufal) conta com sala de exposições, núcleo de informática, biblioteca, videoteca, laboratório de química e de física, núcleo de astronomia.

Visitas de segunda a sexta/ Entrada Gratuita

Mais informações: www.usinaciencia.ufal.br

 

Jardim Botânico Municipal

Curitiba, Paraná

Aberto à visitação livre ou monitorada, ele se difere de outros parques por possuir coleções de plantas ordenadas e classificadas, e oferecer ao visitante informações sobre as espécies botânicas, sua origem, utilidades e curiosidades.

Aberto diariamente/ Entrada Gratuita

Mais informações: www.curitiba.pr.gov.br

Para conhecer sobre outras opções de parques, centros e museus de ciência, uma associação brasileira publicou em 2015 um livro listando 268 espaços como os citados. Bora aprender ciências?!

Gostaria que alguém fosse a sua escola falar sobre um destes assuntos ou outro qualquer? Cadastre-se no Quero na Escola. Qualquer estudantes de escola pública pode dizer o que mais gostaria de aprender além do currículo obrigatório e divulgamos para que voluntários possam atender.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s